Prepare as malas, Samuel está chegando!

  • "Então perguntou a Jessé: 'Estes são todos os filhos que você tem?' Jessé respondeu: 'Ainda tenho o caçula, mas ele está cuidando das ovelhas'. Samuel disse: 'Traga-o aqui; não nos sentaremos para comer até que ele chegue'. Então Jessé mandou chamá-lo e ele veio. Ele era ruivo, de belos olhos e boa aparência. Então o Senhor disse a Samuel: 'É este! Levante-se e unja-o'." 1 Samuel 16:11-12
Quando uma autoridade instituída por Deus está em rebelião, é tempo de mudança. Após o episódio da rebelião de Saul, Deus ordena a Samuel que vá ungir outro Rei. Saul tinha a melhor das intenções, mas para Deus sua atitude não passava de rebelião. Não basta ter boas intenções, é preciso estar alinhado com as intenções de Deus.

Em Belém, havia um rebanho, e no meio do rebanho, havia um rei. Samuel era um homem comum, que julgava pela aparência, mas que com o poder de Deus, enxergava uma agulha num palheiro, um príncipe na multidão e um rei no meio das ovelhas.

O pai de Davi, sabendo da visita tão importante, deveria mandar seus filhos se prepararem para recebê-lo. "Consagrem-se e venham ao sacrifício comigo", disse Samuel, mas o Jessé não consagrou Davi. Pelo contrário, deixou-o imundo no meio das ovelhas. Nada de consagração, nada de unção, nada de sacrifício. Fiquei meditando na figura paterna de Jessé, representando a figura de pai espiritual, que tinha planos bem definidos para seus filhos. Alguns pastores têm planos tão definidos para seus ministros que precisam esconder seus Davis no meio das ovelhas, a fim de não atrapalhar seu planejamento, afinal, Davi parece muito fraquinho perto dos outros.

Talvez você não tenha sido ungido, consagrado, nomeado, reconhecido. Mas Deus escolheu Davi pela graça, não pelo azeite. O chamado precede o azeite, não o contrário. Não adianta esconderem você. Deus está procurando no meio do rebanho os seus valentes de guerra. Se, assim como Jessé, seus pais espirituais não consagraram você, Deus levantará um profeta com visão de águia, que vai te encontrar onde você estiver. Seja no meio do rebanho, na caverna, ou no banco da igreja. Não é o serviço que conta, é o coração de leão. Você não precisa "mostrar serviço", só precisa estar diante de Deus.

“Saul” é a igreja rebelde, que experimentou o vinho novo e está recusando. "Jessé" são os pastores das igrejas rebeldes, que estão escondendo os filhos de Deus no meio do rebanho das ovelhas. Deus está fazendo separação. Não mais entre ovelhas e ovelhas, bodes e bodes, como em Ezequiel 34, mas entre filhos e ovelhas. Quem quiser ser tratado como ovelha, será tratado como ovelha. Ovelha alimenta o pastor e o pastor alimenta a ovelha. Mas quem quiser ser filho, receberá a herança do Senhor Jesus, se assentará com Ele á direita do Pai e reinará com Ele na eternidade.

Estamos em momento de mudança. Deus restaurou o ministério profético e o apostólico (não, não falo dos tele-vendilhões da fé). Mas a igreja está dividida: parte da igreja recusou o vinho novo. Outra parte experimentou o vinho novo e preferiu o velho. E a terceira parte, experimentou o vinho novo e foi buscar novas talhas.

Acontece que o vinho novo não se mistura com o velho. E para derramar vinho novo Deus precisa de novos ministros. Ministros que não abram mão da glória de Deus, que andam com ele, e o conhecem. Ministros que não são ovelhas, mas filhos, e que podem ser guiados com apenas um olhar, como é com os filhos obedientes. Aqueles que querem ser tratados como ovelhas, que sejam. Mas Deus está em busca dos seus filhos.

Se você é filho, prepare-se. Samuel está chegando. Samuel representa o Espírito Santo, buscando um novo rei para o reino. Os pastores e as ovelhas que fiquem em seus pastos, Deus quer aqueles que estão dispostos a lutar como leões e reinar, porque o Reino é conquistado à força.

Tivemos ondas de adoração no Brasil, com louvor profético, adoração extravagante, intimidade com Deus, mas tudo isso passou, agora é tempo de vinho novo. Deus não está apenas buscando adoradores que o adorem em espírito e verdade, Ele está buscando odres novos. Porque é tempo de ser um com Deus, e isto só é possível para odres novos.

Prepare as malas, o vento está soprando, Samuel está chegando!
E que venha o Reino!

em Cristo,
Lya Alves