Palavra profética para o Ninho das Águias em 2015: Vivendo Atos 5


2015 será um grande marco para o Ninho das Águias, um tempo de mudança ministerial, e consequentemente, de uma nova unção. O caminho trilhado como profetas converge  para a vocação apostólica. A Escola de Profetas, as reuniões nos lares, as Comitivas de Cura e os planos missionários serão realizados debaixo deste novo tempo de milagres e maravilhas.

1 - Deus está convocando novos apóstolos para a próxima Grande Colheita no Brasil.
Evidentemente, não estamos falando de títulos, hierarquias, jogos de poder ou influência, estamos falando da capacidade de proclamar as boas novas e levar pedradas por amor ao Evangelho. Apóstolos são emissários, pessoas que proclamam a palavra com autoridade e, assim como os primeiros apóstolos, são perseguidos e marginalizados pelo sistema religioso, mas amados por aqueles que amam andar na presença de Deus.

2 - Deus irá derrubar apóstolos inúteis
"Apóstolo" é uma função no Reino, não um título eclesiástico. A partir do momento que a igreja passou a vender títulos, muitos se intitularam "apóstolos", outros compraram tais títulos para exercer influência. Estes nunca foram. Mas há quem tenha sido realmente escolhido por  Deus e foi chamado para proclamar uma mensagem. Deus está convocando novos apóstolos porque muitos dos antigos apóstolos não querem compartilhar a mensagem do Senhor para este novo tempo. Ficaram confortáveis em seus ministérios e não querem sair da zona de conforto. Se um emissário não deseja compartilhar a palavra do Senhor, ele é simplesmente inútil. Assim como Jesus fez à figueira, Jesus fará secar o ministério de alguns apóstolos. Não espere ver portas se fechando, ou escândalos por esta razão. Será sutil e silencioso como uma árvore secando. Simplesmente não se verá mais a presença de Deus no ministério. Desconfie de ministérios muito barulhentos, provavelmente estarão vazios de Deus.

2 - Confirmação do chamado apostólico.
Aqueles que o Senhor chamar, Ele também irá confirmar o chamado. 2015 será um ano onde o Senhor vai confirmar a vocação apostólica do Ninho das Águias, assim como confirmou a vocação profética. Por que isso é importante? Porque o ministério apostólico é do Senhor Jesus, potanto não está inoperante, como pensam alguns, e para pôr a prova os que dizem que os dons e ministérios cessaram e para fazer a diferença entre apóstolos verdadeiros e falsos. Deus se encarrega de confirmar as autoridades que Ele mesmo levantou. Mas a confirmação apostólica será como no livro de Atos debaixo de pedradas e perseguições. Os apóstolos da próxima colheita não serão ungidos com azeite numa conferência apostólica, serão ungidos com pedras no implantar do Reino.

3 - A queda de Ananias e Safira
E assim como Deus levantou Pedro no episódio de Ananias e Safira para resgatar o temor, dando nome ao pecado, há uma unção que será liberada para exercer o chamado apostólico e dar nome ao pecado.
Satanás vai encher o coração de vários cristãos para que multipliquem mentiras e a falsidade contra o Espírito Santo (Atos 5:3), mas, por meio da palavra dos apóstolos, estas pessoas cairão diante de sua própria mentira.

4 - Jovens profetas chamados pelo Nome do Senhor.
Em resposta à uma geração soberba, vaidosa e egocêntrica, O Senhor levantará jovens profetas que permanecerão no anonimato, mas serão chamados pelo Nome do Senhor, e suas obras serão nomeadas como atos de Deus e quando orarem os céus se abrirão. Jovens que carregarão a morte para fora da igreja, como os de Atos 5: 1-10. Quando os apóstolos com a língua afiada nomearem o pecado, os profetas nomearão o pecador e se levantarão para pregar arrependimento e sua palavra será incisiva contra aqueles que desejam permanecer em rebelião contra Deus.

5 - Sinais e prodígios.
(Atos 5: 12) "E muitos sinais e prodígios eram feitos entre o povo pelas mãos dos apóstolos." 2015 é tempo de manifestar o Reino e a glória de Deus através de sinais e prodígios.

6 -  Reconhecimento ministerial e Separação.
"Todos os que creram costumavam reunir-se no Pórtico de Salomão. Dos demais, ninguém
ousava juntar-se a eles, embora o povo os tivesse em alto conceito." - Atos 5:12-13
Todos gostam de ver a manifestação do poder de Deus, mas nem todos querem ver seus pecados revelados. Numa igreja apostólica o pecado fica do lado de fora, e se entra, não fica oculto: é revelado no meio da congregação. Nem todos querem correr esse risco, as pessoas gostam de ouvir um bom sermão, mas não o sermão que as compromete.

7 - Crescimento da família.
"Em número cada vez maior, homens e mulheres criam no Senhor e lhes eram  acrescentados"- Atos 5:14
Uma vez que a Igreja não se preocupa em atrair pessoas, mas sim em atrair o Espírito Santo, Ele começa a atrair pessoas, convencendo-as do pecado, da justiça e do juízo. Então, sem estratégias humanas ou marketing multinível, a igreja crescerá, e crescerá saudável.

8 - Cura e libertação
"Afluíam também multidões das cidades próximas a Jerusalém, trazendo seus doentes e
os que eram atormentados por espíritos imundos; e todos eram curados." - Atos 5: 16
A unção apostólica derrubará a incredulidade e a religiosidade que atrapalham a cura e a libertação, onde houverem doentes, TODOS serão curados.  A comitiva de cura voltará com força total em 2015, mas talvez não no mesmo formato.

9 - O prato amargo
"Então o sumo sacerdote e todos os seus companheiros, membros do partido dos
saduceus, ficaram cheios de inveja. Por isso, mandaram prender os apóstolos, colocando-os numa prisão pública." - Atos 5: 17
Por conta da movimentação de Deus em torno do Ninho, é de se esperar algum tipo de perseguição velada, um tipo de "guerra fria" entre irmãos partidaristas e carnais, motivada pela inveja e pelo orgulho. Mentiras, calúnias, fofoca e intrigas estão no prato amargo para 2015.
"Não andarás como mexeriqueiro entre o teu povo; não te porás contra o sangue do teu próximo. Eu sou o Senhor." - Levítico 19:16
Um tipo de prisão política e social, sem muros, provavelmente proibição de visitar outras igrejas, ou que membros de outras igrejas visitem o Ninho ou algo semelhante. Por isto é tempo de ficar mais reservado, porque é tempo de santificação, de separação, mas não é motivo de preocupação. Deus avisa que o povo dele não andará como "mexeriqueiro". Simples assim. Por que? Porque Ele é o Senhor. Aqueles que cometem a fofoca simplesmente não tem Deus como Senhor. Não são filhos, são cães raivosos. Mordem, rosnam, mas andam juntos. Como reconhecer um cão? Morde, rosna, fala mal, mas quando está junto, come no mesmo prato, como Judas.
"Mas, ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira."-  Apocalipse 22:15
"Se vós, porém, vos mordeis e devorais uns aos outros, vede não vos consumais também uns aos outros." Gálatas 5:15
  1. O grupo dos invejosos vai atacar com mentiras e difamação, dizendo a outros ministérios que queremos fazer mal, nos venderão como má influência, mas as consequências da inveja será a perda da identidade, por querer viver o que Deus faz na vida do próximo, este grupo não verá mais o que Deus faz através deles, "...Que ocupação é a tua? Donde vens? Qual é a tua terra? E de que povo és tu?.." serão alguns dos questionamentos em sua crise.
  2. O grupo dos desleais e soberbos atacará com acusações e fofocas, tentando chamar atenção e congregar pessoas para si, escondendo seus próprios pecados e exibindo uma santidade falsa. A consequência de se embriagar na contenda e alargar a alma ao pecado será a perda da unção. Deus os entregará a seus próprios desejos, experimentando o máximo de si mesmos, e NADA de Deus.

 Será um ano de provação na guerra, um ano de ser graduado em batalha.

10 - O Senhor vai gerenciar as portas com mão de ferro.
O anjo do Senhor abrirá as portas para que a mensagem do Evangelho seja pregada.  Esta é a grande razão da movimentação apostólica: proclamar as boas novas. O Senhor vai gerenciar com mão de ferro a abertura e fechamento de portas para o Ninho das Águias em 2015.  Ele decidirá onde a mensagem pregada através Ninho chegará e onde não chegará.

11 - Deus testa os seus santos
 Jesus não ia entrar no barco com os apóstolos (Mt 14:22). Neste final de ano, Jesus mandou muita gente subir no barco sem ele. E muita gente foi, achando que estava tudo bem, confiando na sua própria capacidade e unção. Não tiveram a prudência de Moisés:
"Então lhe disse: Se tu mesmo não fores conosco, não nos faças subir daqui."- Êxodo 33:15
Moisés sabia que ser "santo" era ser separado para Deus para "andar na presença Dele".
"Como se saberá que eu e o teu povo podemos contar com o teu favor, se não nos acompanhares? Que mais poderá distinguir a mim e a teu povo de todos os demais povos da face da terra? " - Êxodo 33:16

Mas Deus testa seus santos, muitos são os chamados, mas poucos os escolhidos para andar na Sua presença. Diante do "teste" do Senhor em 2014, muitos simplesmente "subiram no barco" sem Jesus porque se acharam capazes. A tempestade virá em 2015 para derrubar o barco, mas quem anda com Jesus não teme o vento forte. Jesus está chamando para andar com Ele, não para andar sozinho. Uma vez que Ele deixa clara sua Vontade, não é hora de testar o Senhor. É isso que os "Ananias" e "Safiras" fazem, mas desta vez, não haverá livramento.

12- Tempo de andar sobre as águas:
Os ventos contrários virão (Mateus 14:24), mas Jesus está chamando sua igreja para andar com Ele sobre as águas (Mateus 14:29). A crise vem (leia a palavra sobre a crise)! Mas será tempo para prosperar para os que andarem com Deus. 
Jesus andou sobre as águas, mas a tempestade só passou quando Ele entrou no barco.

Em Cristo
Ap. André Alves & Apª. Lya Alves